Webmail
Jateí, Terça-feira, 21 de Novembro de 2017
(67)3465-1133
Redes sociais
Nos siga e fique sabendo

Apresentação do espetáculo Eu, Você, Araceli /

         

       

No município de Jateí na administração do prefeito Eraldo Leite, aderindo a campanha nacional, a equipe do CREAS (Centro de Referência Especializado de Assistência Social) durante toda esta semana entre os dias 15 a 19 de maio realizou diversas atividades alusivo ao 18 de Maio- Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, executando o projeto Proteja Nossas Crianças e Adolescentes “Lembrar é Combater! Esquecer é Permitir”.

 

A ação envolveu toda a sociedade, com participantes das Escolas Estaduais Bernadete Santos Leite e Joaquim Alfredo Soares Vianna, Centro Municipal de Educação Infantil Recanto do Saber e Escola Municipal Rural Jovelino Celestino dos Santos, com blitz de adesivagem, orientações, e ainda a tão esperada peça teatral com a Cia Theastai de Artes Cênicas de Dourados, que de maneira lúdica e criativa através do espetáculo “Eu, você, Araceli”, fez um trabalho artístico-teatral que se trata da violência sexual contra crianças e adolescentes, suas causas, consequências e formas de combate.

 

O Creas, unidade pública estatal responsável pela oferta de orientação e apoio especializados e continuados a indivíduos e famílias com seus direitos violados. Em Jateí é composto pela pedagoga Aurenir Lacerda (coordenadora), assistente social Clemilda Oliveira e psicóloga Tatiane Concolato Costa. Atuaram na ação através da Secretaria de Assistência Social com parcerias do Conselho Tutelar e o Cras.

 

O Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes é uma lembrança à sociedade brasileira sobre a menina Araceli Cabrera Sanches, de apenas oito anos, sequestrada em Vitória-ES, no dia 18 de maio de 1973. A criança foi drogada, espancada, estuprada e morta por membros de uma tradicional família capixaba. A data mantém viva a memória nacional, reafirmando a responsabilidade da sociedade brasileira em garantir os direitos de todas as suas Aracelis.

 

A Secretária de Assistência Social Antonia Marcilia dos Santos reforça que o objetivo da mobilização foi realmente chamar a atenção da população, dando visibilidade à causa, sendo este um trabalho que vem sendo realizado com frequência, na luta contra violência e exploração das crianças e adolescentes, como também da família num geral. “Foi um trabalho muito bem feito, na qual toda a esquipe responsável esteve atuando de maneira satisfatória, assim desenvolvendo esta ação especifica e especial alusiva ao dia 18 de maio”.

 

 Assessoria de Comunicação/ Valéria Batista

Fotos Marcos Paulo