Redes sociais
Nos siga e fique sabendo

/

         

       

O munícipio de Jateí na manhã desta sexta-feira (27) sediou uma Audiência Pública com o tema Parque Estadual das Várzeas do Rio Ivinhema (PREVI): Indutor do turismo na região. Reunindo um grande público, foi realizada no Centro Cultural, dando o pontapé inicial em mais uma luta, que é a abertura do PREVI ao público, assim discutindo projetos de potencialização da cadeia turística do parque.

 

Esta foi uma realização da Assembleia Legislativa do MS, por intermédio do deputado estadual Renato Câmara, em conjunto com a prefeitura de Jateí através do prefeito Eraldo Jorge Leite em parceria com o Imasul, Semagro e Fundtur, com objetivo de discutir, implementar e apresentar as potencialidades turísticas com responsabilidade ambiental, visando o desenvolvimento regional.

 

Na ocasião houve uma breve apresentação sobre a história e as riquezas do PREVI, como também a abrangência de seu território nos municípios de Jateí, Naviraí e Taquarussu, explanada pelo chefe do parque estadual e presidente do conselho consultivo Reginaldo de Oliveira. A palestra Regionalização do Turismo foi proferida pelo analista de desenvolvimento do turismo da Fundtur de MS Geancarlo de Lima Merigue apresentando que o objetivo principal do Programa de Regionalização do Turismo é de apoiar a estruturação dos destinos, a gestão e promoção do turismo no país. Apresentando alguns eixos de atuação, enfatizando que o trabalho de regionalização permite ganhar não somente para o município que recebe os visitantes, mas também toda a região.

 

Como explica o prefeito Eraldo Jorge Leite desde seu mandato anterior teve uma luta incansável para que o parque estivesse realmente ações contundentes e efetivas, mas agora acredita que com as parcerias importantes como o governo do estado, assembleia legislativa, o PREVI possa realmente ter atenção especial das autoridades, desta riquezas que ainda encontra-se fechado para visitação. “É uma unidade de conservação fantástica uma riqueza incontestável, incomparável a outros lugares, sendo assim fazer com que a comunidade participe ativamente das ações”.

 

A palestra Turismo e Unidade de Conservação Ambiental foi proferida pela Analista Ambiental do Instituto Chico Mendes de Conservação de Biodiversidade (ICMBIO) Sandro Riberto Silva que enfatizou sobre Unidades de Conservação Federal, categorias de unidades de conservação, índice de atratividade turística, estimativas, multiplicadores econômicos e muito mais. Em seguida foi aberto a discussões e sugestões dos participantes da audiência e coordenadores da mesa redonda de debates.

 

O deputado Renato Câmara um dos mentores desta iniciativa garantiu que amparado neste tema tão nobre, irá propor na Assembleia Legislativa já na próxima semana a criação de uma frente parlamentar, reunindo instituições públicas e privadas e representantes da cadeia turística de MS, para desenvolver políticas públicas para organizar a exploração sustentável dos parques.

 

No ato esteve Secretários Municipais, 1ª dama Neres Leite, funcionários públicos, diretor-presidente do Imasul Ricardo Ebole, prefeito de Taquarussu Roberto Tavares, alunos da UEMS de Ivinhema, diversos representantes de entidades, Imasul e ICMBIO dos municípios de Naviraí, Deodapolis, Glória de Dourados, Bataiporã, Novo Horizonte do Sul e demais lideranças de Jateí e região.

 

Assessoria de Comunicação/ Valéria Batista Fotos Lucas Moura