...
Redes sociais
Nos siga e fique sabendo

/

         

       

 

O Programa de Saúde e Segurança na Economia do Estado (Prosseguir) anunciou na terça-feira (06) que Jateí passa a ser considerado bandeira amarela, ou seja, risco tolerável para o contágio do Coronavírus. O município vem seguindo à risca as recomendações dos órgãos de saúde competentes e, por isso, é um dos únicos da região nesta condição. Angélica, Novo Horizonte do Sul e Taquarussu também foram classificados como bandeira amarela.

De acordo com o prefeito Eraldo Jorge Leite, a nova classificação é fruto do esforço de todas as pessoas que atuam diretamente no combate da COVID-19 no município, mas ressaltou que o momento ainda é de cautela. “Recebemos essa notícia com muita alegria e alívio, porque é uma confirmação de que nossos esforços estão valendo a pena. Nossas equipes estão de parabéns. Preciso parabenizar o Célio, nosso secretário de Saúde, que vem desenvolvendo um grande trabalho com toda sua equipe, pessoal da enfermagem, da imunização, agentes de saúde, enfim, todos aqueles profissionais que estão à frente desta missão. Este bom trabalho está refletindo diretamente na qualidade de vida da nossa população. Mas, quero fazer um apelo. A bandeira amarela não significa que estamos livres do vírus e por isso devemos continuar nos cuidando. Não é hora de fazer festas e nem deixar de usar máscara e álcool em gel. Estamos vencendo, mas nossa luta não terminou”, ponderou.

O secretário da pasta, Célio Balasso ressaltou o trabalho desenvolvido.  "Desde o início temos nos preocupado em atuar de forma preventiva e educativa, para garantir que não haja avanço significativo da doença em nosso município. As equipes são incansáveis e hoje começamos a colher os frutos deste trabalho”, assegurou.

Classificação

No relatório emitido pelo Prosseguir Jateí obteve 76 dos 100 pontos possíveis e só perdeu pontos devido à ocupação e falta de leitos de UTI na região. “Enquanto a macrorregião não tiver leitos de UTI disponíveis nenhum município conseguirá melhorar a pontuação. Então todos os pontos que o município poderia atingir pelo seu próprio desempenho foram alcançados”, explicou a coordenadora do setor de imunização da Prefeitura, Rosana Lemes.

Ela também destacou a eficiência técnica em relação à vacinação e ao monitoramento dos casos positivados. “Conseguimos estabelecer um monitoramento de 100% dos casos positivados e de seus familiares o que contribuiu muito para um maior controle da doença. A busca ativa feita pelos agentes comunitários de saúde, o agendamento da vacina para os grupos prioritários e a boa resposta da população em relação à vacinação nos fez avançar no combate à doença”, relatou.

Vacinação

Jateí tem uma população de 4021 pessoas, mas de acordo com governo do Estado, a meta é imunizar 1.826 jateienses, com as duas doses, nesta primeira fase da campanha.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), o município recebeu, até o momento, 2.687 doses de vacina contra a COVID-19.  Destas 1.633 foram de primeiras doses (D1), 924 de segundas doses (D2) e 130 de dose única (DU). O aproveitamento das doses, até agora, é de 102,83%, isto porque os frascos vem com uma quantidade um pouco maior de imunizante para evitar a possível falta de vacina. Até a manhã desta quarta-feira (07) foram aplicadas 1.942 D1, 719 D2 e 102 DU.

Segurança

Mesmo com a situação pandêmica em declínio e o município avançando no combate ao Coronavírus, a SMS recomenda que as medidas de segurança continuem para evitar que haja um aumento no número de infectados. O uso de máscara, álcool em gel e distanciamento social, devem continuar.

 

 

(Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Jateí)